A Reconstrução do Brasil – 6ª. parte – Câmbio Flutuante

3H – Câmbio Flutuante: foi instituído quando da implantação do Plano Real por não ser possível administrar a estabilização do dólar com o Banco Central sem reservas de dólares para interferir no mercado, o que o sujeitou às especulações do mercado financeiro mundial.

Há bastante tempo o Brasil tem reservas de 370 bilhões de dólares e tem as condições para estabilizar o câmbio. Nos países com economias estáveis e fortes, o câmbio é praticamente fixo. É o câmbio que define a conversão de dólares em reais para entrar na receita das empresas exportadoras. O dólar é referência. Na China, por ocasião da visita do Presidente Figueiredo em 1983, o dólar valia 6,3 yuans. Até hoje é o mesmo e a China tornou-se o maior exportador do mundo. O que não pode é o lucro ou prejuízo das exportadoras e o endividamento em dólares das empresas depender da flutuação do dólar.

Aparece lucro ou prejuízo nos balanços contábeis que afeta a bolsa de valores, como se tivesse algo em relação ao desempenho das empresas. Sem estabilidade nos parâmetros da economia o país continuará no caminho do quarto mundo, praticamente sem investimento. Os setores Agro e de minérios operam normalmente com investimentos e empregos, por estarem fora das interferências do governo, protegidos pela Lei das Exportações.

Por que o investimento está zerado desde 2013? Porque os governos emitiram 4,5 milhões de interferências na economia durante 25 anos, uma a cada 20 minutos e continua. Não puderam aplicar essa anarquia ao setor Agro. Todos os governos querem retirar o máximo das empresas para se promover. Acontece que são as empresas que fornecem os impostos.

Essa atitude resultou no fechamento de milhares de empresas, gerou o desemprego de 14 milhões de brasileiros, a arrecadação de tributos não é suficiente para pagar as contas e o Governo jogou o país nessa crise, onde só existe dinheiro emitindo títulos, enquanto o mercado puder absorvê-los. Ficou complicado corrigir tantos descalabros, mas existem soluções executivas possíveis. Estabilizar o câmbio é uma delas. Veja as demais nas outras partes desses artigos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s