Governo administra desvio de dinheiro público

Sem ética empresarial, várias empresas espertas dividiram os desvios dos Tesouros Federal e Estaduais com os políticos. Compraram até as Federações para apoiar esses desvios. Não querem operar empresas mas viver da isenção de impostos, isto é, tudo por conta dos Tesouros e lucro fácil.

Todos os governos abriram rombos enormes nos orçamentos, no Federal 198 bilhões, no RJ 176 bilhões, porque abriram mão de receitas e deixaram quase todos falidos. Estão sem receitas. Aumentaram o que puderam de impostos mas a crise da economia impediu melhora na arrecadação. Todos os governos insistem que não podem cancelar as desonerações de impostos porque prejudicaria a indústria. É tudo falso. Querem manter a propina da divisão dos impostos. É alta e deve ser mensal. Já foi publicado que o Sergio Cabral recebeu sua parte – 400 milhões da Michelin. Foi noticiado outros 400 milhões para D. Roseana Sarney. Quem está destruindo o parque industrial são essas isenções de imposto direcionadas para algumas empresas, acabando com a livre concorrência no mercado.

É fácil competir sem pagar imposto contra quem paga. E essa prática é absolutamente inconstitucional que determina que todos devem ser iguais perante a lei. Ladrão segue alguma Lei? Esse é o governo que temos.

O governo mistura Previdência inteiramente paga pelos operários com Assistência onde ninguém paga nada para confundir a sociedade e mentir descaradamente afirmando que sem a Reforma da Previdência o país quebra. O Meirelles chegou a afirmar que o país iria à falência. País não quebra nem vai a falência. O governo sim quebra se gastar mais do que arrecada e deve ser demitido por total incapacidade administrativa financeira.

Ele sabe disso. Ministro de Estado deveria ter mais compostura e respeito com a sociedade. Os articulistas comprados para veicularem inverdades vão se esconder quando baterem de cara com a verdade. As Fazendas Federal e Estaduais estão falidas porque não suportaram tanto desvio de dinheiro dos respectivos tesouros. A Procuradoria e a Polícia Federal em breve vão auditar a contabilidade dessas empresas “escolhidas” para saber quais bandidos receberam as propinas das isenções. O governo não administra o país, só administra como continuar desviando dinheiro público. O resultado é o caos que vivemos e a crise sendo mantida por total incompetência.

A greve geral do dia 28/04/17 foi uma demonstração de força sindical nunca vista nesse país. Abrangeu todo o país e falam em 40 milhões de participantes. Não se sabe se os 14 milhões de desempregados participaram. Usar forças militares com violência para coibir esse tipo de greve feita pelos operários por não concordar mais com o roubo do que é seu, somente degenerou para reações também violentas sinalizando uma pré-guerra civil como se assiste acontecer na Venezuela motivada também pela crise econômica, que lá como aqui, os DITADORES não estão interessados em resolver, mas o povos exigem que seja resolvida por estar ficando difícil viver e trabalhar no país.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s